A igreja em guerra.

Caros irmãos, que a paz seja convosco.

Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores. Tu, porém, ó homem de Deus, foge destas coisas; antes, segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a constância, a mansidão.” 1 Tm 6:10,11

Atualmente, talvez sem paralelo na história cristã, a igreja vem sofrendo, dentro de seu próprio quadro, cismas e enfrentamentos que, paradoxalmente ao crescimento do números de membros, vem enfraquecendo alguns dos grandes propósitos do evangelho: a oposição à escravidão espiritual e intelectual. Vemos líderes de diferentes denominações se acusando mutuamente das mais baixas formas, seja nos púlpitos da própria denominação, seja na mídia de amplo alcance. A busca pela aniquilação moral do inimigo, como numa verdadeira guerra, claramente deixa de lado os versículo encontrados em Mt 22:39 “E o segundo é semelhante a ele: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’.” e em Mt 5:43-48 Vocês ouviram o que foi dito: ‘Ame o seu próximo e odeie o seu inimigo’. Mas eu digo: Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem, para que vocês venham a ser filhos de seu Pai que está nos céus. Porque ele faz raiar o seu sol sobre maus e bons e derrama chuva sobre justos e injustos. Se vocês amarem aqueles que os amam, que recompensa vocês receberão? Até os publicanos fazem isso! E, se saudarem apenas os seus irmãos, o que estarão fazendo de mais? Até os pagãos fazem isso! Portanto, sejam perfeitos como perfeito é o Pai celestial de vocês.” Ficheiro:The badly shelled main road to Bapaume.jpg Fotografia 1. Paisagem de campo devastado pelos combates na I Guerra Mundial. De maneira semelhante, a guerra pelo controle da igreja leva à desolação espiritual. Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:The_badly_shelled_main_road_to_Bapaume.jpg

Mas, o que há por trás dessa guerra facciosa dentro da igreja? Quais os interesses envolvidos? Quisera que o interesse fosse a pura defesa da palavra, mas, aparentemente, a luta se dá pelo controle do montante de divisas movimentado pelo “mundo evangélico” no Brasil: cerca de R$ 15 bilhões anuais. A cifra, envolvendo os dízimos, ofertas, material publicitário, livros, revistas, gastos com mídia, etc., é apenas uma parte, polpuda claro, do objeto de desejo desses lobos-pastores. O controle dos fiéis envolve também ligações sombrias com a política e a possibilidade de acesso a verbas governamentais, como é o caso da “bancada evangélica”, que será assunto de um próximo post.

Fonte: http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica-brasil-economia/33,65,33,3/2014/01/30/internas_economia,410347/mercado-evangelico-no-pais-faz-gira-r-15-bi-em-varios-segmentos.shtml

Ao observarmos o conteúdo contido no texto de At 2:44-47: “E todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum. E vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister. E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração, louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar.”, percebemos que o padrão de vida mantido pelos “grandes nomes” da igreja atual, com a aquisição de jatinhos, iates, mansões e helicópteros, absurdamente fora da realidade vivida pela ampla maioria dos fiéis, talvez indique que o texto deixado a nós por Lucas tenha, pelo menos para esses lobos-pastores, perdido a validade e substituído pela “teologia da prosperidade”, “visões” e toda “papagaiada” correlata.

Fonte: http://www.brasilwiki.com.br/noticia.php?id_noticia=19339 http://noticias.gospelmais.com.br/silas-malafaia-fieis-doem-r100-mil-pagar-divida-18985.html http://padom.com.br/pastor-pede-oferta-para-concertar-seu-helicoptero-com-promessas-divina/ http://noticias.gospelmais.com.br/forbes-edir-macedo-valdemiro-santiago-silas-malafaia-lista-48467.html http://noticias.terra.com.br/brasil/policia/rj-mp-denuncia-pastor-da-assembleia-de-deus-por-estelionato,397bb5efbeb50410VgnVCM10000098cceb0aRCRD.html http://noticias.gospelmais.com.br/lavagem-dinheiro-policia-federal-investiga-pastor-jose-wellington-66932.html

Felizmente, em Mt 24:10-13, Cristo predisse o que estaria por vir: “Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão. E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo.”. Portanto, apesar de entristecer-nos, não nos espantemos com tais coisas, pois a luta dentro da igreja pelo controle do dinheiro e do poder que ele traz, os escândalos, traições, ódio e tudo que tem levado pessoas sérias a abandonar seus ministérios e evitado que muitos passem a se tornar igreja, fazem parte do cumprimento das escrituras. Que o remanescente fiel procure, apesar de toda oposição, não desanimar e se ater às escrituras, cumprindo uma das principais prerrogativas deixadas por Jesus aos cristãos: “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.” Mc 16:15. Que nós tenhamos a coragem de expor à sociedade os falsos evangelhos, desmitificando-os, esclarecendo a todos que a real mensagem da Boa Nova deixada por nosso Mestre é de paz, fraternidade, respeito ao próximo e amor – principalmente amor. 

Que o Senhor nos abençoe segundo Sua vontade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s